Monomania

Tô aqui agora ♥

"Chorei vinte e sete minutos ininterruptamente naquele banheiro. Senti uma solidão profunda, devastadora, invencível, arrebatadora e inexplicável."

Tati Bernardi. 

"Vontade de te transformar em um texto pra te eternizar nas páginas, pra eu poder te ler quando você parecer longe. Vontade de te dizer que eu nunca achei graça nas suas piadas, mas que eu ria sempre porque gostava de ouvir o teu riso junto com o meu. Vontade de te contar das vezes que eu fiquei em silêncio depois de uma indireta porque minha mente gritava um “sim” mais alto do que eu podia emitir. Vontade de escrever aqui sobre o quanto eu amo o som da tua voz e o jeito como você pronuncia cada palavra. Vontade de ter todas as suas músicas preferidas em uma pasta pra eu ouvir lembrando de você e de passar a saber mais sobre suas bandas do que você mesmo só pra te irritar. Vontade de te agradecer pelos momentos em que você ficou do meu lado mesmo quando não tínhamos mais o que dizer, por ter feito questão de marcar presença mesmo em meio à todos os nossos silêncios. Vontade de ter gravado todas as nossas conversas escondido pra ficar tentando buscar algum detalhe perdido, ou só pra ver como eu me sinto bem em contato contigo. Vontade de te transformar em um texto, mas além disso: vontade de que não fôssemos apenas vontade. Vontade de que deixássemos de ser vontade e passássemos a ser coragem."

Sabedorias. 

"Imaginemos que você esteja participando de uma corrida com uma tartaruga. É dada à tartaruga uma vantagem inicial, em distância, de dez metros. No tempo que você leva pra percorrer esses dez metros, a tartaruga talvez se desloque um. Então o tempo que você leva para transpor essa distância, a tartaruga vai um pouco mais a frente, e assim por diante. Você é mais rápido que a tartaruga mas você só consegue diminuir a distância entre vocês. Mas é óbvio que você acaba simplesmente passando pela tartaruga sem preponderar sobre a mecânica envolvida, mas a pergunta de como foi capaz de fazer isso acaba sendo incrivelmente complicada e ninguém tinha achado a resposta para ela de verdade, até que Cantor demostrou que alguns infinitos são maiores que outros."

A culpa é das estrelas.   

"Tinha medo da solidão, mas sempre se isolava e vivia sempre sozinho. Talvez o medo que tinha das pessoas fosse maior."

Marcello Henrique. 

Take me back to the days we were happy and did not know

"Na faculdade assistimos varias aulas que nos ensinam a lutar contra a morte, mas não assistimos nenhuma aula que nos ensine a continuar vivendo."

Grey’s Anatomy. 

"Papa you found me. I knew you would."

"Não
vai
embora,
fica
mais
um
pouco."

A nossa mais bela canção.

Credits, jadsonlemos.